Há vários tipos de tumores mamários em cadelas. Aproximadamente metade de todos os tumores mamários são benignos, sendo a outra metade tumores malignos. A identificação do tipo de tumor deve ser feita através de biópsia e análise histopatológica, independentemenete de o tumor ser malino ou benigno.

O risco de uma cadela vir a desenvolver tumores mamários malignos depende se a cadela é esterilizada (castrada) e da altura em que foi esterilizada.

Se a esterilização for feita antes do primeiro cio o risco de aparecimento de tumores é de cerca de 0,05%, se for feita depois do primeiro cio, o risco é de 8% e se for depois do segundo cio, o risco de aparecimento de tumores mamários é de cerca de 26%.

A eliminação ou redução de hormonas, como os estrogénios, progestrona ou outras hormonas similares contribuem para a redução do aparecimento deste tipo de tumores.

Quais são os sintomas dos tumores mamários?

Os tumores mamários podem aparecer como massas duras ou como inchaços múltiplos. Quando se começam a desenvolver, os tumores são facilmente detectados se palparmos gentilmente as glândulas mamárias.No início sentem-se como pequenos grãos de areia, logo debaixo da pele.

Podem crescer rapidamente num curto período de tempo, chegando a duplicar de tamanho em cerca de um mês.

Embora possam aparecer em qualquer das cinco glândulas mamárias, os tumores mamários ocorrem mais frequentemente na 4ª e 5ª glândula, as duas últimas, de ambos os lados.

Os tumores malignos crescem rápido, tem uma forma irregular, e estão firmemente aderidos à pele ou ao músculo e podem sangrar ou ulcerar/rebentar. Pelo contrário, os benignos são pequenos e crescem lentamente.

A biópsia ou a remoção total do tumor, e posterior envio para análise, são sempre necessários para saber se um tumor é maligno ou benigno.

Os tumores mais agressivos podem metastizar e espalhar-se para os gãnglios e/ou para os pulmões.

Qual é o tratamento para os tumores mamários em cadelas?

Remoção cirúrgica!

Sempre que encontrar uma massa na mama da sua cadela, a remoção cirúrgica é o tratamento recomendado, a não ser que ela tenha uma idade muito avançada. e sofra de uma patologia que aumente os riscos anestésicos.

Se a cirugia for realizada precocemente, no início do desenvolvimento da doença, os tumores podem ser totalmente eliminado em 50% dos caso, mesmo sendo malignos.

Na maior parte dos casos, é recomendável a extração de toda a cadeia mamária, para evitar recidivas.
Em certos tipos de tumores mais agressivos, a remoção completa é difícil e em muitos casos o tumor volta a desenvolver-se no mesmo local onde foi retirado.

Ao contrário do que acontece nos humanos, a mastectomia total implica apenas uma incisão na pele para extração das glândulas mamárias e dos gãnglios, não afectando os músculos, o que torna a recuperação bastante mais fácil.

A esterilização realizada em simultâneo com a mastectomia, não tem qualquer benefício, uma vez que não há estudos que comprovem a diminuição do aparecimento de mais tumores.

Quimioterapia e Radioterapia

A quimioterapia e a radioterapia não têm tido grande sucesso no tratamento deste tipo de tumores. No entanto, deverá sempre contactar um oncologista veterinário, que poderá informar sobre os novos medicamentos e o sucesso do tratamento, de acordo com o tipo de tumor encontrado.

Como posso prevenir os tumores mamários na minha cadela?

Há muito poucos cancros/tumores que se possam prevenir como acontece com os tumores mamários. As cadelas que sejam esterilizadas antes do primeiro cio têm muito poucas hipóteses de desenvolver tumores mamários. As que forem esterilizadas depois do primeiro cio mas antes dos 2 anos e meio terão mais risco, mas ainda assim, menos do que as que não forem esterilizadas ou que o sejam mais tarde.

Esterilizar as cadelas antes do primeiro cio, será uma das melhores prevenções que os donos podem fazer para assegurar o não desenvolvimento dos tumores mamários.

Os tumores mamários são bastante frequentes e podem ser tratados com sucesso se forem detectados precocemente. Se todos os cães e gatos não reprodutores foram esterilizados antes do primeiro cio esta doença poderá ser totalemente eliminada. Se encontrar um nódulo ou uma massa em crescimento nas glândulas mamárias da sua cadela, deverá consultar-nos o mais rápido possível e não apenas “esperar para ver”.

Saiba mais sobre o Serviço de Oncologia Animal (Cancro) da Clínica Veterinária de Vilamoura.

Consulte-nos para mais informações