Portuguese English French German Italian Russian Spanish
Serviços Veterinários Vacinação em Gatos

Vacinação em gatos

Vacinação em gatos

Protocolo de vacinação em Gatos jovens

idade Tipo de vacina
8 semanas Panleucopenia felina, Rinotraqueíte viral felina e Calicivirus felino, Clamidiose,   Leucemia felina (se viver em zona de risco – ver Leucemia felina)
12 semanas Panleucopenia felina, Rinotraqueíte viral felina e Calicivirus felino, Clamidiose, Leucemia felina (se viver em zona de risco – ver Leucemia felina).

Gatos com mais de 4 meses fazem um protocolo de vacinação idêntico com duas doses espaçadas 1 mês.

Os objectivos gerais de vacinação

  • Vacinar o máximo número de animais numa população de risco;
  • Vacinar cada animal somente com a frequência necessária e vacinar exclusivamente contra agentes infecciosos que representem um verdadeiro risco de exposição e subsequente desenvolvimento de doença.

Gatos jovens com menos de 16 semanas de idade são geralmente mais susceptíveis à infecção do que gatos adultos e geralmente desenvolvem sinais de doença mais severos.

Daí que os jovens representem o principal alvo para vacinação.
A interferência com os anticorpos maternos faz com que alguns animais não desenvolvam a imunização pretendida, daí que sejam necessárias mais do que uma vacina em jovens com menos de 12 semanas.

Panleucopénia felina.

A panleucopénia felina é causada pelo parvovius felino (PVF).
A vacina contra o PVF é altamente recomendada para todos os gatos.
A imunidade conferida pelas vacinas contra a panleucopénia felina é considerada excelente, sendo a grande maioria dos animais vacinados completamente protegidos contra infecção e doença clínica.
Rinotraqueíte viral felina e Calicivirus felino.
A rinotraqueíte felina causada pelo herpesvirus felino-1, e a calicivirose felina representam cerca de 90% de todas as causas de doença do tracto respiratório superior em gatos. A vacinação para estes dois vírus é altamente recomendada para todos os gatos.

Raiva.

A raiva é transmitida através de mordedura de animais infectados.
A sua vacinação é altamente recomendada para todos os gatos.
As leis que regulam a vacinação contra a raiva variam consoante o país. Em Portugal é obrigatória a revacinação anual. Obedece a protocolos específicos se pretender viajar para fora de Portugal. Fale conosco para mais esclarecimentos.

Leucemia felina.

O vírus da leucemia felina (FeLV) infecta gatos domésticos por todo o mundo.
Os jovens são mais susceptíveis à infecção; a resistência aumenta com a idade. Os gatos de risco incluem os que vivem fora de casa ou têm contacto com a rua.

A decisão de vacinar um gato contra a leucemia felina deve ser baseada na idade do animal, o seu modo de vida e o seu risco de exposição à doença.

A vacinação é altamente recomendada para gatos de risco, especialmente os jovens com menos de 4 meses de idade e quando há contacto com gatos de rua.

A vacinação não é recomendada para gatos que não representem risco de contraírem a doença, especialmente com mais de 4 meses.

Clamidiose.

Chlamydia felis é uma bactéria intracelular que afecta a conjunctiva e o aparelho respiratório dos gatos domésticos. Nem todas as vacinas previnem esta doença. Utilizamos a vacina Purevax Rcpch que tem prevenção para a clamidiose.

Clínica Veterinária de Vilamoura > Serviços Veterinários >> Vacinação em Gatos

Clínica Veterinária de Vilamoura

Veterinários Bruno Silva | Rui Lima

Av, Eng João Meireles 8125 Vilamoura, Algarve - Portugal

Telefone: (+351) 289 312 709

Telemóvel  Urgências Veterinárias

(+351) 91 900 40 50

 

Clinica Veterinaria

Clínica Veterinária